Ambiente

Energia: Portugal acima da média nas renováveis

Portugal está acima da média europeia no que respeita ao desempenho nas energias renováveis, ocupando um dos quatro melhores lugares de acordo com um estudo do Eurostat.
Versão para impressão
Portugal está acima da média europeia no que respeita ao desempenho nas energias renováveis. A percentagem destas energias no nosso país representava, em 2010, 24,6% do consumo final bruto, ao passo que na UE as renováveis constituíam apenas 12,4% da energia consumida, revela um estudo do Eurostat.
 
O relatório do gabinete de estatísticas da União Europeia, divulgado esta segunda-feira, apontou a Suécia (47,9%), a Letónia (32,6%), a Finlândia (32,2%), a Áustria (30,1%) e Portugal (24,6%) como os países que registam as mais elevadas proporções de energias provenientes de fonte renovável.
 
No extremo oposto situam-se Malta, com apenas 0,4%, Luxemburgo, com 2,8%, Reino Unido, com 3,2%, e Holanda, com 3,8%. Estas quatro nações constituem o grupo daqueles que menos contribuíram para a eficiência energética europeia.
 
De acordo com o estudo do Eurostat, o consumo energético renovável da União Europeia aumentou, entre 2009 e 2010, de 11,7% para 12,4%. Até 2020, a Europa pretende que 20% da sua energia provenha de fontes renováveis.

A meta portuguesa para o mesmo ano passa por chegar aos 31% e manter a posição de destaque na lista daqueles que mais contribuem para o consumo de energia renovável.

 
Clique AQUI para aceder às conclusões do estudo do Eurostat (em inglês).
 

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub