Ambiente

Energia: Ilhas do Pacífico serão 100% autosuficientes

NULL
Versão para impressão
As ilhas do Pacífico pertencentes ao arquipélago de Tokelau vão ser o primeiro lugar do mundo 100% alimentado por energias renováveis. A novidade foi anunciada no início desta semana pelo governador Foua Toloa que garante que a energia solar e o óleo de coco vão ser os novos combustíveis utilizados nas ilhas.

Tokelau é um arquipélago do Pacífico Sul, que pertence à Nova Zelândia. Até agora era um território quase totalmente dependente da importação de combustíveis fósseis.

Além disso, como se situa apenas 5 metros acima do nível do mar, encontra-se muito vulnerável quanto ao fenómeno da subida da subida das águas dos oceanos, derivada das alterações climáticas.

Para evitar que as ilhas acabem por se “afundar”, Toloa decidiu mudar completamente a forma de sustentabilidade das ilhas. Para isso, no próximo ano, o arquipélago vai instalar cerca de 600 metros quadrados de painéis solares e algumas centenas de coqueiros.

Desta forma, Tokelau vai produzir 93% do total de energia necessária a partir do sol, e o restante provirá do óleo do coco. Este fruto é já parte importante das fontes de rendimentos das ilhas.

Numa entrevista à Rádio New Zealand International, o administrador-geral justificou a medida com a necessidade de combater os impactos das mudanças no clima. “Enquanto o resto do mundo não está a ouvir os impactos das alterações climáticas, num país muito pequeno do pacífico este projeto é um veículo e uma mensagem para o mundo.”

O arquipélago é composto por três ilhas (Atafu, Nukunonu e Fakaofo) que não possuem estradas nem automóveis. Num relatório publicado pela ONU em 1989, Tokelau foi indicada como algumas das ilhas que podem desaparecer no século XXI caso não sejam tomadas medidas para conter o efeito estufa.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório