Ciência

Energia: Estudantes lusos vencem competição da UE

Um coletor solar térmico de baixo custo com capacidades fotovoltaicas e fácil de instalar garantiu ao estudante de mestrado Ricardo Leandro o primeiro prémio da competição Europeia Energy2B.
Versão para impressão

Um coletor solar térmico de baixo custo e fácil de instalar – que tem o bónus de maximizar o funcionamento de módulos fotovoltaicos – garantiu ao estudante de mestrado Ricardo Leandro o primeiro prémio da competição Europeia Energy2B. Também o terceiro prémio foi para Portugal, tendo sido arrebatado pela engenheira Ana Rita Guerra Silva Rodrigues.

Com este coletor inovador – que é fácil de instalar, tem uma elevada durabilidade e é produzido com materiais baratos – o estudante do mestrado integrado em Engenharia da Energia e do Ambiente da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (FCUL) quer dar às famílias a oportunidade de poupar na conta do gás.

O coletor de Ricardo tem ainda a vantagem de maximizar as capacidades dos módulos fotovoltaicos produtores de eletricidade. Este colector solar térmico transparente tem de ser acoplado a módulos fotovoltaicos permitindo o aumento da eficiência elétrica da produção de eletricidade, além de gerar água quente como sub-produto. Como prémio por esta inovação, o investigador vai receber 5.000 euros.

Para além de Ricardo Leandro, o júri da competição, constituído por um grupo de especialistas de vários países, atribuiu o segundo prémio a Jorge Valencia, do Reino Unido, por uma investigação sobre biofuel, e o terceiro prémio foi para a portuguesa Ana Rita Guerra Silva Rodrigues, de Portugal, que apresentou um projeto para Edifícios Eficientes ao nível da Energia. O terceiro prémio corresponde a um valor de 1.000.

Nesta segunda edição da Energy2B participaram 1.565 estudantes e foram submetidas 1.034 ideias. No total, os júris – com especialistas em energia e em empreendedorismo da comunidade universitária – aprovaram 299 ideias.

A competição Europeia Energy2B está aberta a qualquer aluno do ensino superior em Portugal, na Polónia, na Eslovénia, no Reino Unido ou na Bulgária e tem como objetivo o desenvolvimento de planos de negócios sólidos baseados em ideias de sustentabilidade energética.

Clique AQUI para aceder ao site da Energy2B.

[Notícia sugerida por Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório