Ambiente

Energia eólica: Alemanha investe em Cabo Verde

A Alemanha vai investir 40 milhões de euros em quatro parques eólicos no arquipélago de Cabo Verde, segundo garantiu à agência Lusa Fátima Fialho, a ministra do Turismo e Energia cabo-verdiana.
Versão para impressão
A Alemanha vai investir 40 milhões de euros em quatro parques eólicos no
arquipélago de Cabo Verde, segundo garantiu à agência Lusa Fátima Fialho, a ministra
do Turismo e Energia cabo-verdiana.

Fátima Fialho adiantou que os parques, a concluir até meados de 2011, terão uma capacidade total de 28 megawatts, 10 megawatts na ilha de Santiago e na do Sal, cinco na de São Vicente e três na da Boavista.

“Atualmente, estamos com cerca de três por cento de capacidade nas energias renováveis, mas estamos em condições de chegar a 20 por cento, já este ano, e cumprir os 25 por cento a que nos comprometemos até ao final de 2011”, disse Fátima Fialho.

O ministro do Turismo e Energia alemão Rainer Bruberle, lembrou que a Alemanha tem uma experiência de mais de 20 anos nesse domínio, sendo líder mundial na produção dos equipamentos tecnológicos, e que Cabo Verde tem condições “ideais” para a instalação de parques eólicos e de centrais solares.  

“São perspetivas gigantescas, que se podem enquadrar mesmo no DESERTEC, um projeto de construção de centrais solares na África do Norte que prevê a instalação de energia solar nos próximos 40 anos que cubra 15 porcento das necessidades”, disse. 

Todo o equipamento vai ser montado pela empresa alemã Vestas.

Os dois ministros acordaram também a instalação, na Ilha de São Vicente, de um Centro de Investigação Científica, para apoio de navios científicos, projeto que deverá estar concluído até ao final deste ano.    

[Notícia sugerida pelo utilizador Francisco Santos]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório