Negócios e Empreendorismo

Empresa vegan vai criar 600 empregos em Portugal

A empresa norte-americana Amy?s Kitchen, especializada em refeições vegan pré-cozinhadas, escolheu Santa Maria da Feira para instalar a sua primeira unidade fora dos EUA. O investimento de 60 milhões de euros vai criar 600 empregos e produzir refeiçõ
Versão para impressão
A empresa norte-americana Amy’s Kitchen, especializada em refeições vegan pré-cozinhadas, escolheu Santa Maria da Feira para instalar a sua primeira unidade fora dos EUA. O investimento de 60 milhões de euros vai criar 600 empregos e produzir refeições para toda a Europa.

Fundada em 1987, na Califórnia, e empregando atualmente 1.900 funcionários, esta empresa especializou-se na confeção de refeições vegan pré-cozinhadas sem ingredientes geneticamente modificados. Há mais de um ano que estava à procura de uma localização na Europa para internacionalizar a sua atividade. 

 
Durante a apresentação do contrato, Emídio Sousa, presidente da Câmara de Santa Maria da Feira comentou que a Amy's Kitchen seria “um parceiro muito interessante para o tecido empresarial” e agradeceu aos empresários do município e aos investidores norte-americanos por todo o trabalho realizado.


 

O primeiro-ministro António Costa, também presente na apresentação, disse que vê “muito entusiasmo" o facto de "Santa Maria da Feira, um dos territórios mais ricos de Portugal, em vez de estar parado em cima do sucesso, mostrar vontade e energia para aumentar o seu sucesso”.
 
Um investimento faseado por cinco anos
 
O investimento será feito por fases, com os valores iniciais a atingirem os 37 milhões e 160 postos de trabalho. A Amy's Kitchen acredita que, ao fim de cinco anos, o investimento total seja 60 milhões de euros, o que envolverá a criação de 600 empregos diretos.
 
O investimento da Amy's Kitchen vai também gerar negócios paralelos na região, não só a nível da maquinaria, da automação e da construção da própria fábrica, mas também no transporte da produção e nos produtos agrícolas para confeção das refeições.
 
As obras de construção vão começar no próximo ano e espera-se que a fábrica esteja em pleno labor em 2018.
 
Para o efeito, a empresa já adquiriu um terreno de 80.000 metros quadrados no Lusopark (a zona empresarial instalada junto ao centro de congressos Europarque) . Esta fábrica destina-se a abastecer toda a Europa com refeições saudáveis e de qualidade que se podem aquecer no micro-ondas. 


Rachel e Andy Berliner são fundadores e donos deste negócio de família – ao centro está Amy, filha e inspiração para o nome da empresa

Notícia sugerida por Maria Pandina

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub