Negócios e Empreendorismo

E-Coli: UE dá cinco milhões de euros a Portugal

NULL
Versão para impressão
Portugal vai receber cinco milhões de euros por danos causados pela bactéria E-Coli. A União Europeia acrescentou 17 milhões aos 210 já prometidos aos países europeus economicamente afetados pela epidemia, dispondo agora de 227 milhões de euros para distribuir entre estes países.

Um comunicado divulgado pela AFP explica que, com esta verba suplementar, a Comissão Europeia consegue responder a todos os pedidos de compensações.  

A Comissão comprometeu-se em compensar os comerciantes lesados em pelo menos 50 por cento dos preços dos legumes retirados do mercado (com base nos preços dos últimos anos). No entanto, aqueles que pertencem a organizações de produtores irão beneficiar de compensações até 70 por cento das perdas.

Desta forma, Espanha recebe 70,97 milhões, a Polónia 46 milhões, Itália 34,6 milhões, a Holanda 27,18 milhões, a Alemanha 16 milhões, a Bélgica 3,6 milhões e França 1,6 milhões.
 
A bateria E-Coli deu origem a uma epidemia que matou 50 pessoas na Alemanha e uma na Suécia. Por ignorar a origem deste surto, as autoridades alemãs lançaram um alerta, desaconselhando o consumo de pepinos, saladas e tomates. No entanto, descobriu-se que a bateria surgiu em sementes germinadas importadas do Egito
 
 

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório