Negócios e Empreendorismo

Douro promove-se nos EUA para atrair mais turistas

Arranca esta quarta-feira a missão "O Douro no mundo", uma iniciativa que vai passar por Nova Iorque, Newark e Washington, nos EUA, para dar a conhecer a paisagem duriense, a sua história e os seus vinhos de forma a atrair mais turistas.
Versão para impressão
Arranca esta quarta-feira a missão “O Douro no mundo”, uma iniciativa que vai passar por Nova Iorque, Newark e Washington, nos EUA, para dar a conhecer a paisagem duriense, a sua história e os seus vinhos de forma a atrair mais turistas e a criar oportunidades de negócio.
 
A missão, que junta o projeto “Douro e Estrela – In Tourism”, a Estrutura de Missão do Douro (EMD) e o Museu do Douro (MD), prolonga-se até 10 de Setembro e pretende “influenciar” um dos principais mercados emissores de turistas.
 
“Juntos potenciamos esta região”, disse, esta segunda-feira, à Lusa, o diretor do Museu do Douro, Fernando Seara, realçando que “ao nível de estrangeiros que visitam o museu, os EUA são o país em primeiro lugar e com grande distância para o segundo”. 
 
Segundo os dados do Instituto dos Vinhos do Douro e Porto (IVDP), entre Janeiro e Maio, as vendas de vinho do Porto para os EUA aumentaram 2,7% em comparação com igual período do ano passado, o que se traduz num volume de negócios de 8,8 milhões de euros. Além disso, as parcerias estabelecidas pelos operadores turísticos que cruzam o rio estão a atrair muitos norte-americanos.

Missão vai dar a conhecer potencialidades locais
 

Os responsáveis destas três entidades pretendem, agora, fazer aumentar o número de turistas, dando a conhecer as potencialidades do território. Alberto Tapada, responsável da Associação dos Empresários Turísticos do Douro e Trás-os-Montes (AETUR), revelou à Lusa que, nos encontros agendados com os operadores dos EUA, vão ser apresentados pacotes turísticos já devidamente estruturados.
 
“São conferências, mesas de negócios. É uma missão virada para áreas fundamentais como a visibilidade, a notoriedade e a informação sobre a região”, elucidou. Como complemento, algumas das principais empresas do Douro vão colaborar com a iniciativa, dando a provar os seus vinhos nos EUA, que serão apresentados a par dos vinhos da Beira Interior e de compotas e queijos nacionais.
 
No âmbito desta missão promocional, a região do Douro vai, igualmente, associar-se às festas da comunidade portuguesa em Newark com o propósito de transformar os emigrantes em “embaixadores” do território nacional nos EUA. 
 
Já o Museu do Douro será responsável por partilhar o seu conhecimento relativamente a aspetos como a paisagem, o património, a cultura e a história daquela que é a mais antiga região demarcada do mundo. Na bagagem para os EUA levará ainda a exposição itinerante “Douro Património Mundial”, que engloba 20 fotografias da paisagem vinhateira.
 
Na mesma ocasião, a EMD vai apresentar um projeto realizado em parceria com a National Geographic Society, que culminou na criação do mapa geográfico da Região Demarcada do Douro.
 
Até 2014, o projeto “Douro e Estrela – In Tourism”, outro dos parceiros da missão, vai aplicar 400 mil euros na promoção internacional do Douro e da Guarda (com o apoio da Associação Empresarial da Região da Guarda (NERGA) e da AETUR) com vista ao desenvolvimento turístico.

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub