Saúde

Diabetes: Português preside à federação internacional

Pela primeira vez nos mais de 60 anos da instituição, um português vai presidir à Federação Internacional de Diabetes - Região Europa (IDF Europa). João Nabais, de 43 anos, é professor na Universidade de Évora e diabético desde criança.
Versão para impressão
Pela primeira vez nos mais de 60 anos da instituição, um português vai presidir à Federação Internacional de Diabetes – Região Europa (IDF Europa). João Nabais, de 43 anos, é professor na Universidade de Évora e vai assumir formalmente o cargo no próximo domingo, 23 de Setembro.
 
Na Assembleia Geral marcada para esse dia, o até agora presidente-eleito, diabético desde os 12 anos de idade, vai assumir em pleno a função, escolhendo também uma nova equipa de trabalho para os três anos que aí vêm. Embora as prioridades para o próximo triénio estejam ainda por definir, o português assume desde logo alguns compromissos. 
 
“É urgente pôr em prática soluções que impeçam o contínuo aumento do número de pessoas com diabetes tipo 1 ou 2. Por isso, a IDF Europa pretende incrementar uma ligação ainda mais profunda com os nossos membros, as associações nacionais, para que o combate à diabetes seja mais próximo, junto das pessoas que mais precisam”, adianta João Nabais, em comunicado.
 
Além disso, promete, a defesa da causa será também reforçada, tal como a luta contra a discriminação. “É fundamental colocar a diabetes na agenda das instituições europeias, criando uma estratégia concreta para combater uma doença que já afeta cerca de um milhão de portugueses e mais de 32 milhões de cidadãos da UE, quase 10% do total da população dos estados membros”, defende. 
 
João Nabais não esquece igualmente a importância de formar uma nova geração de líderes no combate à diabetes pelo que outra das suas prioridades enquanto presidente da IDF Europa será “fortalecer o Campo Internacional de Jovens Adultos”.
 
Antes da Assembleia Geral da IDF Europa, no dia 22 de Setembro, vai decorrer a Reunião Anual da instituição, que contará com a participação de 130 participantes europeus. Durante o evento, a Associação Protectora dos Diabéticos de Portugal (APDP) – a mais antiga associação do mundo na luta contra a diabetes – vai apresentar o trabalho que tem desenvolvido e os últimos números da doença em Portugal. 
 
A Federação Internacional da Diabetes – Região Europa representa 62 associações de diabetes, defendendo os direitos de cerca de 32 milhões de pessoas com esta doença.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub