Em Destaque Sociedade

Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres

Hoje, 25 de novembro, assinala-se o Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres.
Versão para impressão
por redação

Em Portugal e no mundo, todos os dias, inúmeras mulheres e raparigas são vítimas de algum tipo de violência. Muitas vezes, estão privadas dos seus direitos e não conseguem aceder ao apoio de que necessitam para ultrapassar o impacto que a violência teve nas suas vidas.

Estima-se que 35% das mulheres em todo o mundo tenham experienciado violência doméstica ou sexual em algum momento das suas vidas (Nações Unidas, 2015). 43% das mulheres na União Europeia sofreram alguma forma de violência psicológica por parte de um parceiro íntimo (FRA, 2014). Em Portugal, cerca de 80% das pessoas que reportaram ser vítimas de violência doméstica eram mulheres (RASI, 2016). Em 2016, em Portugal, 22 mulheres foram assassinadas no sei da sua família (OMA/UMAR, 2016).

Violência doméstica, tráfico de seres humanos, violação e outras agressões sexuais, casamento forçado, mutilação genital feminina ou assédio sexual são alguns dos crimes praticados contra as mulheres.

#NemMais1MinutodeSilêncio é o mote da campanha que a Secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade promove no âmbito da efeméride. A campanha foi desenvolvida em parceria com a Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género, o Ministério Público, a Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV), a União de Mulheres Alternativa e Resposta, o Movimento Democrático de Mulheres, a Associação Portuguesa de Mulheres Juristas, a Capazes, a Associação de Mulheres contra a Violência e a Liga Portuguesa de Futebol.

Em jeito de alerta para a não tolerância da violência contra as mulheres, os jogadores das equipas de futebol da primeira liga com jogos marcados entre 24 e 28 de Novembro promoverão 1 minuto de silêncio no início de cada jogo.

Esta ação, que já começou na sexta-feira, 24 de novembro, envolverá no total 9 jogos entre as equipas de 18 clubes de futebol numa ação conjunta contra a violência contras as mulheres. Em paralelo, será lançada a campanha #NemMais1MinutodeSilêncio, de âmbito nacional, em diversos formatos de publicidade de rua.

Nenhum tipo de violência contra as mulheres pode ser tolerado.

 

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub