Fitness & Bem-estar

Destinos lusos em destaque no Wall Street Journal

Para assinalar o final do Verão, o prestigiado Wall Street Journal selecionou um conjunto de locais a visitar e incluiu dois destinos portugueses na lista. São eles a ilha do Pico, nos Açores, para os amantes de ilhas jardinadas, e a vila de Cascais,
Versão para impressão
Para assinalar o final do Verão, o prestigiado Wall Street Journal selecionou um conjunto de locais a visitar e incluiu dois destinos portugueses na lista. São eles a ilha do Pico, nos Açores, para os amantes de ilhas ajardinadas, e a vila de Cascais, para os que querem aproveitar ao máximo os últimos raios do sol da estação mais quente do ano.
 
“Setembro marca os 'últimos cartuchos' do Verão, antes de o calor e a humidade darem lugar a céus mais frios, brisas frescas e paletes outonais de vibrantes tons vermelhos e dourados”, escreve David Kaufman, jornalista do jornal norte-americano. “Há que aproveitar ao máximo esta temporada para saídas de Outono que são tão ou ainda mais ricas em cor e cultura”.
 
Para os amantes da natureza, as sugestões vão para as ilhas verdejantes do Pico, em Portugal, das Canárias, em Espanha, e da Região dos Lagos, em Itália. “O Pico é a segunda maior ilha dos Açores, com uma topografia única, definida por quilómetros de vinhas em socalcos”, introduz o autor.
 
“Estas paredes de pedra loteadas são Património Mundial da UNESCO e extremamente ricas em solo vulcânico, pelo que, em toda a sua extensão, são visíveis densas plantações de videiras de uva de vinho branco Verdelho”, explica Kaufman. 

“O Outono marca o início das comemorações anuais da região, com um festival de comida típica em Outubro, onde se servem queijos da região e charcutaria, sempre acompanhados de Verdelho”, acrescenta ainda.
 

Já no continente, o jornalista sugere a ilha de Cascais àqueles que quiserem aproveitar ao máximo os últimos raios de sol. “Durante séculos, a vila-praia de Cascais tem atraído tanto surfistas como gentes mais nobres para o seu areal ensolarado, apenas a 45 minutos de Lisboa”, conta Kaufman. 
 
“Banhada pelo forte sol do Atlântico, a sua costa é pontilhada por imponentes fortes históricos. Faça como um soldado e dirija-se à nova Pousada de Cascais, com 126 quartos, construída numa cidadela do século XVI e que insere quartos modernos num núcleo histórico”, agora reaproveitado para este empreendimento turístico.
 
Entre as sugestões publicadas no jornal norte-americano estão ainda a Riviera Turca, na Turquia, e a “cidade-resort” de Pafos, no Chipre. 
 
Clique AQUI para ler o artigo completo (em inglês).

Notícia sugerida por Elsa Fonseca

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub