Negócios e Empreendorismo

Design português é promovido em Nova Iorque

NULL
Versão para impressão
Cerca de trinta empresas nacionais estarão presentes na Semana do Design de Nova Iorque, nos EUA, para promover os seus mais inovadores produtos na feira de mobiliário contemporâneo (ICFF, na sigla em inglês).

Além da realização de várias conferências e de visitas guiadas à exposição “Cork Design – Inovadores no Século XXI”, a ação de promoção do design português em Nova Iorque passa pela distribuição de um catálogo de apresentação das marcas portuguesas de mobiliário, decoração e casa.

Entre elas encontram-se a Fertini, a SAAL – Sentir a Alma Lusa, a Sachi, a Boca do Lobo, a fabricante de pratas Alcino e outras cujos produtos são vendidos nas lojas do Museu da Arte Moderna (MoMa), como a Matcerâmica, Pelcor e Porcel.

Segundo dados provisórios do Instituto Nacional de Estátistica (INE), citados pela agência Lusa, 31,7% das exportações portuguesas de design destinam-se ao mercado norte-americano.

À Lusa, Amândio Pereira, da empresa de consultoria Portugal Brands, afirma que muitas marcas “sonham” em vender para os Estados Unidos, mas “[…] o tratamento ao cliente, o serviço é muito importante, e as empresas não estão preparadas muitas vezes, estão habituadas a vender quase produção”.

“O 'boom' da internacionalização de que o Estado fala era a única saída possível [para as empresas, face à crise]. O Estado não estar a comprar ajuda a isso. E já se percebeu ou está-se a aperceber devagarinho, que tem de ser com a marca, se não [as empresas] são só mais uns fornecedores”, adianta Pereira.

A 23ª edição da ICFF realiza-se entre os dias 14 e 17 de maio, no Centro de Congressos Jacob K. Javits, em Nova Iorque.

[Notícia sugerida pelos utilizadores Raquel Baêta e Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório