Ciência

Descobertas hormonas que ativam cancro da próstata

Uma equipa do Instituto do Cancro da Universidade Queen Mary de Londres afirmou ter descoberto as hormonas responsáveis pela ativação de uma variação genética específica que gera os tumores do cancro da próstata, segundo um artigo publicado pela revi
Versão para impressão
Uma equipa do Instituto do Cancro da Universidade Queen Mary de Londres afirmou ter descoberto as hormonas responsáveis pela ativação de uma variação genética específica que gera os tumores do cancro da próstata, segundo um artigo publicado pela revista de medicina Cancer Research.

A investigação centrou-se nas hormonas andrógenas (testosterona, androsterona e androstendiona) e a influência que têm no momento de fundir-se com genes diferentes, do qual resulta uma mutação genética encontrada em muitos cancros.

Estes genes mutantes formam-se com base na fusão dos genes do ADN, provenientes de diferentes partes da zona genética das células. “A fusão entre os genes TMPRSS2 e ERG, detetada em aproximadamente 50% dos cancros da próstata, é a mais comum entre os tumores malignos humanos”, refere o estudo.

O trabalho foi coordenado pelo investigador Yong-Jie Lu, que, citado pela agência EFE, referiu que esta é “uma descoberta significativa e um passo gigante para a prevenção futura da doença”.

“Se conseguirmos controlar e gerir os níveis andrógenos, existe uma forte possibili- dade de podermos ajudar milhares de homens, especialmente aqueles que pertencem a um grupo de risco, por ter uma história familiar de cancro da próstata, e que por isso podem desenvolver a doença”, acrescentou ainda o investigador.

A par do cancro da pele, este é o tipo de cancro mais frequente nos homens dos países desenvolvidos.

[Notícia sugerida pela utilizadora Raquel Baêta]

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório