Sociedade

Daltónicos: Marcas de roupa adotam código de cor

A Sonae prepara-se para se tornar pioneira na implementação de um código para daltónicos no vestuário. As duas marcas de roupa da companhia vão passar a comercializar os seus produtos com etiquetas para lhes permitir a identificação da cor.
Versão para impressão
A Sonae prepara-se para se tornar pioneira na implementação de um código para daltónicos no vestuário. As duas marcas de roupa da companhia portuguesa, Zippy e Modalfa, vão passar a comercializar os seus produtos, na coleção Primavera/Verão de 2013, acompanhados de etiquetas para permitir aos daltónicos a identificação da cor das peças.
 
Em comunicado divulgado esta quarta-feira, a Sonae explica que este é um projeto “pioneiro a nível mundial” e que conta com a colaboração de Miguel Neiva, inventor do sistema ColorADD, um código monocromático sustentado em conceitos universais de interpretação e desdobramento de cores.

O sistema faz da adição da cor um jogo mental, pelo que o daltónico relaciona os símbolos entre si com as cores que representam, sem ter que decorá-los individualmente. 
 

Segundo a empresa, o objetivo da introdução deste código é “facilitar e melhorar a experiência de compra dos clientes daltónicos, bem como reforçar a sua autonomia no dia-a-dia”, contribuindo, da mesma forma, “para a massificação so sistema desenvolvido em Portugal”.
 
A adoção do sistema nas etiquetas do vestuário permite que a cor da peça seja identificada no ato da compra sem necessidade da ajuda de terceiros, garantindo uma maior independência e liberdade na utilização de peças iguais com diferentes cores e facilitando a combinação do vestuário no dia-a-dia.
 
Miguel Mota Freitas, CEO da Sonae SR, considera que esta decisão traduz o “compromisso” da empresa de “estar ao lado dos clientes, nos varios países e mercados […] oferecendo produtos inovadores, com qualidade e design, aos melhores preços”.
 
“O design do vestuário disponibilizado pela Zippy e Modalfa nas suas lojas, onde a cor é uma presença constante, tornam este processo [de identificação da cor] exigente, pelo que estamos a trabalhar para que a maior parte das peças da coleção Primavera/Verão de 2013 possuam já este novo código inserido”, conclui o responsável.
 
Clique AQUI para saber mais sobre o ColorADD e AQUI para ler um artigo publicado pelo Boas Notícias em 2010 que explica em que consiste este sistema.

[Notícia sugerida por Ricardo Pinto e Maria Manuela Mendes]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório