Sociedade

Cruz Vermelha: projeto para cuidados ao domicílio

A Cruz Vermelha Portuguesa lança esta terça-feira um projeto de cuidados ao domicílio dirigido a idosos e doentes com "carências" que pretende abranger "alguns milhares" de pessoas em todo o país.
Versão para impressão
A Cruz Vermelha Portuguesa lança esta terça-feira um projeto de cuidados ao domicílio dirigido a idosos e doentes com “carências” que pretende abranger “alguns milhares” de pessoas em todo o país.

De acordo com o presidente da Instituição, Luís Barbosa, em declarações à Lusa, o projeto surgiu com a “crescente necessidade de serviços de reabilitação e prestação de cuidados aos seniores dependentes, pessoas portadoras de deficiência e crianças”.

“A população idosa está a aumentar”. Estima-se que metade dos idosos com mais de 85 anos tem “uma situação de dependência, o que significa que precisam de ajuda”, adiantou Luís Barbosa.

A Cruz Vermelha entendeu que “tinha obrigação” de criar um conjunto de métodos e uma rede de referenciação de voluntários e profissionais para dar apoio aos doentes e idosos dependentes e sem recursos.

O objetivo  é “encontrar alternativas que sejam sistemas mistos em que haja apoios do Estado, de esquemas de solidariedade, da família e alguma participação, em matéria dos encargos, das pessoas ou familiares quando tiverem meios para isso”.

A Cruz Vermelha já está a fazer o recrutamento das pessoas que vão integrar o projeto, que vai começar em breve em Lisboa e depois se estenderá ao resto do país.

Para as pessoas se candidatarem, a Cruz Vermelha vai disponibilizar um número de telefone através do qual vão poder apresentar os seus problemas e necessidades.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub