Sociedade

Criminalidade violenta e grave diminui 16,5%

A criminalidade violenta e grave em Portugal diminui 16,5% no primeiro trimestre deste ano face ao mesmo período de 2009, anunciou esta semana o ministro da Admnistração Interna, Rui Pereira na Comissão Parlamentar de Obras Públicas, Transportes e Co
Versão para impressão
[Imagem: EPA]

A criminalidade violenta e grave em Portugal diminui 16,5% no primeiro trimestre deste ano face ao mesmo período de 2009, anunciou esta semana o ministro da Admnistração Interna, Rui Pereira na Comissão Parlamentar de Obras Públicas, Transportes e Comunicações da Assembleia da República.

Segundo o ministro Rui Pereira, nos primeiros três meses de 2010 a criminalidade geral diminui 5,7% face ao período homólogo de 2009.

Citado em comunicado oficial, afirma que os números apresentados “resultam de uma atividade dedicada e competente das forças de segurança”.

Em relação à sinistralidade nas estradas portuguesas, até ao presente mês de junho, foram registados menos 0,3% de mortos, menos 7,3% de feridos graves e menos 2,6% de feridos ligeiros, em comparação com o período homólogo do ano passado, revelou o ministro perante a mesma Comissão na Assembleia.

Os números representam “uma evolução positiva”. “Em 2009 tivemos, pela primeira vez, menos 800 mortos nas estradas num ano. Queremos continuar a melhorar e este ano existem números melhores do que no ano passado e que são um estímulo”, afirmou Rui Pereira.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório