Ciência

Criada lista dos planetas com maiores índicios de vida

NULL
Versão para impressão
Encontrar vida extraterrestre continua a ser um dos grandes fascínios de vários investigadores de todo o mundo. Até ao momento não existem evidências de que tenhamos vizinhos, mas vários planetas já foram identificados como podendo abrigar vida. Uma equipa internacional publicou agora uma lista dos planetas e luas com mais probabilidade de poderem abrigar vida.

Titan, uma das luas de Saturno, e o exoplaneta Gliese 581g são os astros considerados pelos cientistas como os mais convidativos para vida extraterrestre, mas não são os únicos. Os investigadores criaram duas listas, cada uma com dez planetas, que organizam respetivamente: os planetas com índices mais próximos dos da Terra – Earth Similarity Index (ESI), e os planetas com maiores índices de habitabilidade – Planetary Habitability Index (PHI).

Os resultados foram publicados na revista Astrobiology e sugerem que as possibilidades são maiores do que se julgava. “A primeira questão é saber que condições da Terra podem ser encontradas noutros mundos, sendo que sabemos empiricamente que essas condições podem abrigar vida”, explicou o coautor do projeto, Dirk Schulze-Makuch, da Washington State University, à BBC. 

Para chegar à lista ESI, a equipa analisou características como o tamanho, densidade e distância dos astros à estrela mãe. Já no caso do PHI, tornaram-se relevantes fatores como o tipo de solo do planeta, rochoso ou congelado, e se tem uma atmosfera ou um campo magnético, assim como a químicas do planeta, analisando o tipo de compostos orgânicos presentes e a existência ou não de solventes líquidos, indispensáveis para a vida, explica a BBC.

Marte é o 5º país mais parecido com a Terra

Feita a explicação, resta saber os resultados. Tendo a Terra um ESI de 1.00, o astro identificado como mais semelhante ao nosso planeta azul foi o Gliese 581g, com uns surpreendentes 0.89. Marte surge em 5º lugar na tabela, e o nosso satélite natural, a Lua, em penúltimo lugar.

No caso dos índices de habitabilidade, em primeiro lugar ficou a lua de Vénus, Titan, com uma pontuação de 0.64, seguida de Marte, com 0.59 e da lua de Júpiter, Europa, com 0.47. A Europa foi recentemente alvo de estudo, e pensa-se que possui um oceano de água líquida.

Tornou-se recorrente, nos últimos tempos, ouvir falar de planetas que podem conter vida. Desde que o telescópio espacial da NASA, Kepler, foi lançado em 2009, já foram encontrados mais de mil candidatos, conta a BBC.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório