Negócios e Empreendorismo

Cortiça em destaque na imprensa mundial

A cortiça foi destacada em 8682 artigos na imprensa mundial ao longo dos últimos 19 meses, graças ao Programa Internacional da Cortiça - o Intercork, promovido pela Associação Portuguesa de Cortiça (APCOR).
Versão para impressão
A cortiça foi destacada em 8682 artigos na imprensa mundial ao longo dos últimos 19 meses, graças ao Programa Internacional da Cortiça – o Intercork, promovido pela Associação Portuguesa de Cortiça (APCOR).
 
Trata-se de um programa, orçado em 21 milhões de euros, que teve como objetivo a promoção das exportações da rolha de cortiça e dos materiais de construção e decoração que, no seu conjunto, abarcam 90% da produção nacional.
 
A iniciativa fez com que Portugal e a cortiça tenham sido objeto de uma sólida promoção internacional, sendo que aos mais de 8500 artigos se somaram ainda mais de 600 peças de televisão e de 200 trabalhos radiofónicos num total de 18 horas de emissões. 
 
Além disso, durante os dois últimos anos, estiveram em Portugal mais de 160 jornalistas e líderes de opinião para visitar o nosso país e a Fileira da Cortiça e foram estabelecidas parcerias entre a APCOR e inúmeras cadeias de distribuição internacionais e vinícolas.
 
Álvaro Santos Pereira, ministro da Economia e Emprego, congratulou-se com esta realidade. “O projeto Intercork cumpriu a sua missão. É um caso de boa parceria entre o Estado e a indústria. Ganharam as empresas, ganham os empresários e os trabalhadores. E ganha também a imagem coletiva de Portugal”, defendeu. 
 
Já o presidente da APCOR fez questão de sublinhar, em comunicado, que “o setor da cortiça vai encerrar as exportações de 2011 com um a umento de mais de 8%” face ao ano anterior, “o que irá significar exportações na ordem dos 820 milhões de euros”. 
 
Segundo António Rios Amorim, “é necessário continuar o esforço de divulgação e promoção da cortiça nos mercados chave a nível mundial – EUA, China, Japão, Europa de Leste, entre outros”. Isto porque “estas medidas têm um efeito na evolução das exportações relativamente rápido e duradouro”, como comprovou o programa Intercork. 

[Notícia sugerida por Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório