Em Destaque Inovação e Tecnologia

A Continental contribui para cidades inteligentes com estradas mais seguras

Dedicated Short-Range Communication (Comunicação dedicada de curto alcance) liga as infraestruturas dos cruzamentos e os veículos para proteger das colisões com utilizadores da estrada mais vulneráveis e com outros intervenientes no trânsito.
Versão para impressão
por redação

Os cruzamentos e os entroncamentos são pontos problemáticos do trânsito. Vários acidentes que ocorrem nos cruzamentos devem-se a erro humano. Problemas como a falta de atenção, má análise das situações, carros que não estão visíveis ou outros utilizadores da estrada mais vulneráveis são responsáveis por muitos acidentes rodoviários e mortes na estrada em todo o mundo.

Na verdade, e de acordo com o Departamento Norte-Americano dos Transportes, 51% de todos os acidentes com feridos e 28% dos acidentes fatais ocorrem em cruzamentos. A empresa tecnológica Continental está empenhada em enfrentar estas estatísticas terríveis com a sua assistência à condução, Vehicle-to-X (comunicações entre o veículo e o que o rodeia) e tecnologias de sensores que transformam os perigosos cruzamentos atuais em cruzamentos mais seguros e inteligentes. A tecnologia deteta os utilizadores num perímetro de 360º dos cruzamentos e comunica a posição e o movimento destes objetos a todos os veículos que se aproximam e que estão equipados com a tecnologia V2X.

O conceito Intelligent Intersection – Cruzamento Inteligente – da Continental é uma solução chave na mão: inclui o conjunto completo de sensores para um cruzamento, os poderosos algoritmos de fusão de sensores que geram o modelo ambiental e as unidades Dedicated Short-Range Communication (DSRC), tanto no cruzamento como no veículo. Um dos objetivos é proteger os utilizadores da estrada mais vulneráveis (VRUs), como peões e ciclistas. Outro objetivo é apoiar os condutores em cenários de cruzamentos complexos, evitando, por exemplo, que os carros que virem à esquerda avancem para o trânsito causado por um acidente.

A tecnologia de Cruzamentos Inteligentes foi demonstrada pela primeira vez numa pista de testes em outubro de 2017 no Centro de Desenvolvimento da Continental em Brimley, Michigan (EUA). Os próximos passos incluem um teste mais amplo e a implementação piloto da tecnologia num cruzamento na Cidade de Columbus, Ohio.

“Estamos orgulhosos por contribuir com a nossa tecnologia para uma cidade altamente inovadora como Columbus, contribuindo também para o US DOT Smart City Challenge,” disse Jeremy McClain, Diretor de Systems & Technology Chassis & Safety, na Continental North America. “A nossa solução é baseada em transferir e adaptar soluções de hardware e software que já mostraram ser eficazes em veículos, fazendo a aplicação em infraestruturas. As cidades poderão desenvolver esta tecnologia para aumentar a segurança dos seus cidadãos e visitantes. A longo prazo a tecnologia pode também servir para melhorar o fluxo de trânsito dentro da cidade, reduzindo assim o tempo de viagem e as emissões dos veículos”.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub