Saúde

Comer menos calorias pode aumentar esperança de vida

Uma menor ingestão de calorias pode aumentar a esperança de vida do ser humano. As conclusões são de um estudo levado a cabo por uma equipa de cientistas chineses da Universidade de Jiaotong, em Xangai.
Versão para impressão
Uma menor ingestão de calorias pode aumentar a esperança de vida do ser humano. As conclusões são de um estudo levado a cabo por uma equipa de cientistas chineses da Universidade de Jiaotong, em Xangai. 
 
As experiências foram feitas em ratos de laboratório, nos quais os investigadores observaram uma relação direta entre a variação no consumo de calorias e a esperança de vida. 
 
De acordo com o jornal Shanghai Daily, que avançou a notícia, os testes realizados deram conta de que um menor consumo de alimentos favorece a expansão da fibra bacteriana saudável no aparelho digestivo.

Consequentemente, o número de bactérias prejudiciais ao organismo é também reduzido, o que contribui para aumentar a esperança de vida.
 

Zhao Liping, líder da investigação e professor na Escola de Biotecnologia e Ciências da Vida da Universidade de Jiaotong, acredita que a descoberta vem confirmar os efeitos positivos das dietas nos humanos.
 
O estudo foi publicado no jornal Nature Communications na passada terça-feira e é da autoria de uma equipa de investigadores da Universidade de Jiaotong, do Instituto de Ciências Biológicas da Academia Chinesa das Ciências e do Centro Nacional de Genoma Humano. 

Clique AQUI para aceder ao estudo completo (em inglês).

Notícia sugerida por Maria Manuela Mendes e Maria da Luz

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub