Ambiente

Cientistas encontram animais declarados extintos

Investigadores encontraram duas espécies de rãs de África e uma salamandra do México que se acreditava estarem extintas, informou a Conservation International, organização de defesa da biodiversidade.
Versão para impressão
Investigadores encontraram duas espécies de rãs de África e uma salamandra do México que se acreditava estarem extintas, informou a Conservation International, organização de defesa da biodiversidade.

A descoberta foi realizada por cientistas enviados a locais isolados do planeta com o objetivo de determinar a situação de uma centena de espécies de anfíbios declaradas desaparecidas há dezenas de anos.

Uma das três espécies encontradas é uma salamandra (Chiropterotriton mosaueri) que não se observava desde 1941. Vários indivíduos foram observados numa gruta do Estado de Hidalgo, no México.

Outra descoberta ocorreu na Costa do Marfim, onde os especialistas encontraram uma pequena rã marrom (Hyperolius nimbae) que não era observada desde 1967.

A terceira espécie, uma rã com manchas verdes, quase fluorescentes (Hyperolius sankuruensis), foi observada na República Democrática do Congo, algo que não ocorria há 30 anos.

“São descobertas fantásticas que podem ter implicações para as pessoas e também para os anfíbios” alega Robin Moore da Conservation International citado pela AFP.

“Não sabemos se o estudo destes animais pode revelar novos compostos medicinais tal como acontece com outros anfíbios”, revela.

[Notícia sugerida pela utilizadora Raquel Baêta]

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório