Desporto

Ciclista paralímpica holandesa volta a andar

NULL
Versão para impressão
Depois de ficar paralítica com apenas 13 anos, a atleta holandesa Monique van der Vorst conseguiu voltar a andar após sofrer um acidente de bicileta e tem agora a esperança de representar o seu país nos Jogos Olímpicos de 2016. Monique van der Vorst já obteve duas medalhas de prata nos Jogos Paralímpicos.

Aos 27 anos Monique alcançou uma das mais importantes vitórias da sua vida: entrar na equipa profissional de ciclismo. “É mesmo bom caminhar lado a lado com alguém e conseguir olhar nos seus olhos”, disse Monique van der Vorst em declarações ao jornal britânico 'The Independent'.

Na adolescência, quando tinha 13 anos, Monique ficou parcialmente paralizada depois do nervo de uma das suas pernas ter sido afetado durante uma cirurgia ao tornozelo. A partir desse momento passou a movimentar-se de cadeira de rodas e muletas.

Mas Monique não desistiu de cumprir o seu sonho e tornou-se uma das atletas com vários títulos nacionais e europeus do ciclismo adaptado.  

Em 2008, sofreu um atropelamento que originou lesões na espinha agravando a sua paralisia. A atleta holandesa lutou pela recuperação e nesse mesmo ano, conquistou duas medalhas nos Jogos Paralímpicos de Pequim.

Dois anos mais tarde, ao treinar para os Jogos Paralímpicos de 2012, chocou com outro ciclista e foi projetada da bicicleta adaptada, começando a sentir espasmos.

O incidente provocou sensibilidade num dos pés de Monique, sucedendo-se o mesmo ao outro, e em pouco meses recomeçou a andar.

[Notícia sugerida por Raquel Baêta]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório