Saúde

Chocolate na base de remédio para a tosse

Um composto químico presente no chocolate - teobromina - é a base de um remédio para a tosse persistente que se encontra neste momento em fase final de testes, avança um grupo de cientistas britânicos. O fármaco poderá chegar ao mercado dentro de doi
Versão para impressão
Um composto químico presente no chocolate – teobromina – é a base de um remédio para a tosse persistente que se encontra neste momento em fase final de testes, avança um grupo de cientistas britânicos. O fármaco poderá chegar ao mercado dentro de dois anos.

Comparativamente aos já existentes no mercado, a grande vantagem deste remédio é o facto de não ser composto por codeína, um narcótico muito utilizado neste tipo de fármacos, cuja prescrição não é recomendada a menores de 18 anos.

Os cientistas afirmam ainda que a teobromina não tem sabor, pelo que o novo remédio poderá ser tomado mesmo por quem não goste de chocolate.

O desenvolvimento do fármaco, designado por BC1036, está a cargo da empresa britânica SEEK. Um dos seus responsáveis, Manfred Scheske, referiu à BBC que o novo tratamento “poderá ter um impacto dramático no tratamento da tosse persistente, beneficiando em grande escala a qualidade de vida de quem sofre desse mal”.

A tosse é considerada persistente quando dura mais de duas semanas, passando a crónica quando se prolonga por mais de três ou quatro semanas. Rinite, sinusite e asma brônquica são algumas das causas que podem provocar tosse persistente.

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub