Ambiente

Cascais terá 25 novas ilhas ecológicas

A Empresa Municipal do Ambiente de Cascais (EMAC) vai instalar, na freguesia da Parede, 25 contentores subterrâneos para reciclagem - as chamadas "ilhas ecológicas", preparados para receber resíduos indiferenciados, vidro, papel e plástico.
Versão para impressão
A Empresa Municipal do Ambiente de Cascais (EMAC) vai instalar, na freguesia da Parede, 25 contentores subterrâneos para reciclagem – as chamadas “ilhas ecológicas”, preparados para receber resíduos indiferenciados, vidro, papel e plástico.

Em comunicado, a EMAC refere que a operação “permitirá aumentar a capacidade de deposição de resíduos indiferenciados em 163% e de recicláveis em 170%, e retirar da via pública um total de 31 contentores e ecopontos, com vantagens significativas para a circulação” na Baixa da Parede.

A Praça 5 de Outubro e a Rua Capitão Leitão vão receber seis equipamentos cada, seguindo-se a Rua Luís Vaz de Camões (cinco) e a Rua Capitão Leitão e a Avenida da República, cada uma com quatro.

A Parede é a terceira freguesia de Cascais a receber estes equipamentos, depois de S. Domingos de Rana e Carcavelos.

Até março, avança a EMAC, o concelho contará com 253 contentores subterrâneos, sendo que o projeto implica, na sua globalidade, a instalação de 698 ilhas ecológicas nas seis freguesias de Cascais.

Esta iniciativa representa um investimento de cerca de 4 milhões de euros, dos quais 675 mil são co-financiados pelo Programa Operacional da Região de Lisboa (POR Lisboa).

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub