Saúde

Campanha para erradicar a poliomielite em África

A Cruz Vermelha Internacional e a ONU lançaram esta semana uma campanha de vacinação em larga escala na África numa tentativa de erradicar a poliomielite neste país. 85 milhões de crianças serão vacinadas. 400 mil voluntários e trabalhadores na área
Versão para impressão
A Cruz Vermelha Internacional e a ONU lançaram esta semana uma campanha de vacinação em larga escala na África numa tentativa de erradicar a poliomielite neste continente. 85 milhões de crianças serão vacinadas. 400 mil voluntários e trabalhadores na área da saúde vão administrar a vacina oral a crianças menores de cinco anos.

“Sinto-me reconhecido e motivado para trabalhar como voluntário todas as vezes que a Cruz vermelha me pede para ajudar a salvar vidas, principalmente crianças, explica, citado pela ReutersAfrica, Michael Fofana, um dos voluntários que participa na campanha que vai partir da Serra Leoa. 

 A poliomielite afeta o sistema nervoso, é altamente infecciosa e o vírus é transmitido através da água e comida contaminadas. Estão assinalados focos ativos no Chade, Mali, Burkina Faso e Camarões que se disseminam por países vizinhos.  A Nigéria vai ser utilizada como exemplo na utilização da vacina: em 2008 haviam 800 casos, em 2010 apenas um caso foi identificado. 

Anteriores esforços para esta campanha já tinham sido postos em marcha mas com poucas crianças a serem vacinadas. Um dos entraves ao sucesso da vacinação provinha dos líderes religiosos africanos. Desconfiavam que as vacinas trouxessem outros problemas envolvidos com a esterilidade e a disseminação do HIV. Agora os analistas envolvidos na campanha contam com mais apoios locais e mostram-se, assim, confiantes no sucesso desta iniciativa.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório