Sociedade

Campanha informa portugueses que querem emigrar

O Governo lança, esta segunda-feira, uma campanha de informação à escala nacional dirigida aos portugueses que querem trabalhar no estrangeiro, com o objetivo de prevenir a emigração desinformada e evitar casos dramáticos.
Versão para impressão
O Governo lança, esta segunda-feira, uma campanha de informação à escala nacional dirigida aos portugueses que querem trabalhar no estrangeiro, com o objetivo de prevenir a emigração desinformada e evitar casos dramáticos.
 
“Temos para distribuir 100 mil desdobráveis, 10 mil brochuras e cinco mil cartazes. Numa fase posterior serão elaborados alguns spots para as rádios. Este é o corpo essencial da campanha que está a avançar de imediato”, adiantou José Cesário, secretário de Estado das Comunidades, em declarações à Lusa.
 
A iniciativa, intitulada “Trabalhar no estrangeiro”, surge num momento em que tem vindo a aumentar o número de portugueses que abandonam o país para procurar trabalho – a estimativa é de que, anualmente, entre 120 a 150 mil saiam de Portugal – e em que têm vindo a público vários casos dramáticos de emigrantes desempregados e a viver nas ruas em países como a Suíça ou o Reino Unido.
 
“Temos consciência de que havendo mais desemprego há mais emigração. É um dado muito evidente com que estamos confrontados. Está a sair muita gente”, admitiu o governante, acrescentando que “o importante é que as pessoas interessadas em emigrar possam ter acesso ao máximo de informação possível”. 
 
De acordo com José Cesário, algum do material já foi distribuído mas o arranque em pleno da campanha acontecerá hoje, com a entrega generalizada dos desdobráveis, brochuras e cartazes pelos 92 gabinetes de apoio ao emigrante das câmaras municipais do Norte, Centro e Algarve e por vários centros do Instituto Emprego e Formação Profissional e do Instituto de Segurança Social e da Autoridade para as Condições de Trabalho.
 
Ainda segundo o responsável, parte será também entregue à Obra Católica Portuguesa das Migrações (OCPM), que se encarregará de distribuir a informação pelas paróquias. 
 

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub