Sociedade

Calçado: marcas trocam China por Portugal

As grandes marcas internacionais estão a reforçar a produção de calçado em Portugal, em detrimento da China devido a problemas de qualidade e de incumprimento dos prazos de entrega por parte dos chineses, avança o Jornal de Notícias.
Versão para impressão
As grandes marcas internacionais estão a reforçar a produção de calçado em Portugal, em detrimento da China devido a problemas de qualidade e de incumprimento dos prazos de entrega por parte dos chineses, avança o Jornal de Notícias.

Marcas como Nike, Adiddas, Le Coq Sportif, Armani, Prada ou Versace decidiram regressar às fábricas de calçado portuguesas depois de se verificarem erros na confeção dos produtos, problemas de qualidade e prazos que não são cumpridos, disse ao JN Américo Pinto, da Jefar Indústria de Calçado, as razões que estão a trazer as grandes marcas de novo para o nosso país.

Na Jefar, que tem a marca Pratik, 90% da produção é para private label (subcontratação) e, adianta Américo Pinto, este ano, “têm sido muito sondados para produções orientadas para o preço”.

Também a Fábrica de Calçado Evereste – que produz várias marcas próprias como a Cohibas – está a ser “solicitada tanto para linhas desportivas como de estilo por marcas europeias para produção de pequenas séries”, disse o responsável da Evereste André Fernandes, citado pelo JN.

A situação é confirmada pela Netos Fábrica de Calçado que produz sobretudo para outras marcas. “Os grandes grossistas holandeses que importavam muito da China estão a regressar, porque querem mais qualidade”, refere Domingos Neto.

Cerca de 85% do que a indústria de calçado portuguesa exporta é calçado em couro e é neste segmento que a China faz mais concorrência às nossas empresas. No entanto, o preço praticado nos dois países tem vindo a aproximar-se cada vez mais.

[Notícia sugerida pela utilizadora Raquel Baêta]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório