Negócios e Empreendorismo

Bosch de Braga eleita uma das melhores

NULL
Versão para impressão
A Bosch de Braga foi distinguida como uma das melhores empresas da Europa pela European Foundation for Quality Management. Na cerimónia de entrega dos prémios de excelência foram também distinguidas a sede da Bosch em Bamberg e a Bosch Chassis Systems Control.

Esta foi a primeira que uma empresa teve tantas unidades operacionais na final do EFQM Excellence Award. A Bosch de Bamberg e a Bosch Chassis Systems Control receberam o prémio de “Liderança com Visão, Inspiração e Integridade” e a sede de Bamber recebeu também o prémio de “Gestão por Processo”.

Além do marco para a EFQM, este foi também um marco para a multinacional, já que nunca antes tinha sido honrada três vezes num só ano por aquela que é considerada a mais prestigiada competição de negócios da Europa.

Entre os 18 finalistas esteve a unidade de Braga, que se dedica ao “Car Multimedia”, desenvolvendo mecanismo eletrónicos que são exportados para todo o mundo. A divisão de Braga apoia diretamente as fábricas da sua divisão de negócios na Malásia e na China, interessada em “estar sempre à frente para continuar a atrair investimentos do grupo para Portugal”, explicou ao Expresso um responsável da empresa.

Sven Ost, administrador técnico da unidade de Braga, disse que este prémio é “um bom marco” e “um reflexo do trabalho desenvolvido” pela empresa. O profissional destacou mesmo que o último tem foi o melhor de sempre.

De facto, a empresa alemã fechou o ano de 2010 com um volume de vendas de 587 milhões de euros, o que representa um aumento de 43% face a 2009.

Segundo o Expresso, o interesse da fábrica de Braga tem-se revelado cada vez maior, sendo que nos últimos cinco anos foram investidos na unidade cerca de 130 milhões de euros. Espera-se que até 2015 o investimento alcance os 65 milhões de euros.

A Bosch Chassis Systems Control emprega mais de oito mil “associados” – nome que preferem dar aos seus colaboradores – em todo o mundo e desenvolve componentes e sistemas inovadores para a segurança dos veículos. Destes, cerca de 7.700 trabalham para o setor da tecnologia automóvel. É esse o ramo de trabalho da fábrica portuguesa que é a sexta maior exportadora portuguesa.

A unidade de Braga produz essencialmente autorrádios e sistemas de navegação para a indústria automóvel, sendo a Volkswagen o maior cliente. “Mesmo em crise crescemos todos os anos. E para 2012 continuamos otimistas”, disse Sommerhäuser, administrador comercial.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório