Inovação e Tecnologia

Avião a energia solar voa durante 26 horas

O voo experimental de 26 horas do "Solar Impulse", o avião que se move a energia solar, foi concluído esta quinta-feira de manhã. O avião atingiu uma altitude superior 8.500 metros sem recorrer ao piloto automático, o que deixa antever boas possibili
Versão para impressão
[Foto: AFP]

O voo experimental de 26 horas do “Solar Impulse”, o avião que se move a energia solar, foi concluído esta quinta-feira de manhã. O avião atingiu uma altitude superior 8.500 metros sem recorrer ao piloto automático, o que deixa antever boas possibilidades para a realização de uma volta ao mundo em 2013.

As asas do veículo imaginado pelo explorador suíço Bertrand Piccard estão cobertas por 12 mil células fotovoltaicas que alimentam os quatros motores eléctricos. O aparelho foi concluído em sete anos e possui uma evergadura de asas idêntica à de um Airbus A340 e um peso de 1600 quilogramas.

O “Solar Impulse” descolou da pista da base militar de Payerne na passada quarta-feira e realizou parte do voo de noite, graças aos painéis solares que recarregaram, durante todo o dia de quarta-feira, as baterías de lítio-polímero de 400 quilogramas instaladas no avião.

“É a primeira vez que um avião solar voa durante a noite”, referiu Bertrand Piccard, citado pela AFP, acrescentando que o “Solar Impulse” teria energia suficiente para prolongar o voo por mais uma noite.

Depois de uma primeira tentativa falhada no passado dia 1 de julho, o “Solar Impulse” elevou-se nos céus e cumpriu o seu objetivo: “mostrar que podemos ser muito menos dependentes da energia fóssil do que se pensava”, afirmou Piccard.

[Notícia sugerida pelas utilizadoras Céu Guitart e Raquel Baêta]

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório