Desporto

Atletismo adaptado: Portugal traz 24 medalhas de França

Lenine Cunha conquistou, na sexta-feira passada, o título no pentatlo dos oitavos Campeonatos do Mundo de atletismo em pista coberta INAS (deficientes), que decorreram em Reims, França, até domingo.
Versão para impressão
Portugal foi o país que conquistou mais medalhas nos oitavos Campeonatos do Mundo de atletismo em pista coberta INAS (deficientes), que terminaram este domingo em Reims, França.

 

Os atletas nacionais conquistaram um total de 24 medalhas (sendo que cinco foram de ouro, sete de prata e 12 de bronze) pelo que Portugal foi o país com o maior número de medalhas na competição. 

 

O atleta Lenine Cunha, de 32 anos, foi o atleta mais medalhado da prova (1 ouro, 3 prata e 4 bronze). Na sexta-feira, o atleta do Porto conquistou o título de campeão do mundo no pentatlo. Pedro Isidro conquistou, domingo, a medalha de ouro na prova de 3.000 metros marcha. 

Entre as mulheres, Claudia Santos venceu, ainda domingo, o ouro na prova de 800 metros. Já Erica Gomes tornou-se campeão de salto em altura numa prova onde alcançou a marca de 1,54 metros. A outra medalha de ouro foi conquistada em estafetas femininos (Raquel Cerqueira/Cátia Almeida/Graça Fernandes/Cláudia Santos).


No final, Portugal sagrou-se campeão do Mundo por equipas, quer no masculino (90 pontos), quer no feminino (42 pontos). O segundo e terceiro lugares masculinos couberam à França (75 pontos) e à Polónia (42 pontos), respetivamente. No setor feminino, o segundo lugar coube à Polónia (35 pontos) e o terceiro à seleção Francesa (14 pontos).

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub