Espetáculos e Exposições

Anaquim, o novo duende da música nacional

Numa altura em que a música portuguesa está a ganhar um novo fôlego surge o projecto Anaquim, com o álbum “A vida dos Outros”. Desde o nome à própria sonoridade, Anaquim apresenta-se deveras invulgar. Carlos Paião, Sérgio Godinho, música francesa, ri
Versão para impressão
Numa altura em que a música portuguesa está a ganhar um novo fôlego surge o projecto Anaquim, com o álbum “A vida dos Outros”. Desde o nome à própria sonoridade, Anaquim apresenta-se deveras invulgar. Carlos Paião, Sérgio Godinho, música francesa, ritmos balcânicos são algumas das influências deste novo projecto.

Sob o selo da Universal Music, pensado e elaborado por José Rebola, Anaquim é o nome do “duende saltitão e simpático que está na capa do CD e que tem molas nos pés, isso reflecte duas coisas: uma o seu carácter saltitão e outra o carácter festivo de alguns temas”.





Anaquim revela-se desta forma um álbum que reflecte temas actuais e prementes da nossa sociedade mas sem uma visão moralista, sempre descritos pela perspectiva “imparcial” deste duende acabado de chegar ao nosso mundo.

“Este é um álbum que desafia o público e que pretende ser a primeira fala de uma conversa que queremos ter com quem nos ouve, bem como se trata de um convite à análise e à mudança e que fala de uma série de encontros e episódios da vida quotidiana” como explica José Rebola.

Em termos musicais “A vida dos Outros” denota diversas influências “desde músicos portugueses como Carlos Paião e Sérgio Godinho, passando por música francesa, de ritmos balcânicos, influência americana, entre outros.”

A partir do próximo dia 1 de Março poderá adquirir e desfrutar deste álbum de estreia “As Vidas dos Outros”. Para acompanhar este lançamento – já previsto por alguns sectores da crítica musical como um dos “albuns-revelação” deste ano, Anaquim irá saltitar por todo o país no próximo mês de Março com uma mini-digerssão de apresentação que passa por Coimbra (TAGV, dia 17), Lisboa (Cabaret Maxime, dia 18), Guarda (Teatro Municipal, dia 25) e Caldas da Rainha (Centro Cultural de Congressos , dia 27).

Deixe-se  aos ritmos animados e incontornáveis deste duende que irá agradar a miúdos e graúdos.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório