Saúde

Alzheimer: Matosinhos segue doentes por satélite

A Junta de Freguesia de Matosinhos vai acompanhar, em tempo real, através de GPS e GSM, os movimentos dos doentes de Alzheimer da região, para combater o número de idosos que são encontrados perdidos nas ruas.
Versão para impressão

A Junta de Freguesia de Matosinhos vai acompanhar, em tempo real, através de GPS e GSM, os movimentos dos doentes de Alzheimer da região, para combater o número de idosos que são encontrados perdidos nas ruas. Se for bem sucedido, o projeto será implementado em todo o país.

“Este projeto surge porque muitos idosos com esta patologia são encontrados nas ruas de Matosinhos, não conseguindo identificar a sua habitação e, por vezes, sem qualquer tipo de documento que os identifique, dificultando o seu retorno à família”, pode ler-se num comunicado enviado esta sexta-feira à Agência Lusa.

O sistema funciona através de um chip dissimulado numa carteira, que terá um conjunto de elementos de identificação do doente. Cada família terá uma password para, a qualquer momento, abrir o sistema informático e saber onde está o seu familiar anda, explicou o autarca de Matosinhos, António Parada, à TSF .

Se o doente sair da zona prevista a família recebe de imediato um alerta e será contactada pela junta, que irá com uma carrinha ao encontro do paciente.

A Junta vai oferecer alguns dispositivos a famílias mais carenciadas, as restantes terão que comprá-lo. O objetivo é experimentar o sistema em Matosinhos para depois implementá-lo em todo o país. O projeto é oficialmente apresentado no dia 30 de Março, pelas 11 horas.
 

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub