Saúde

Algarve: Praias passam a ter postos de enfermagem

Entre 1 de Julho e 15 de Setembro, a Administração Regional de Saúde (ARS) do Algarve vai colocar à disposição dos turistas 32 postos de enfermagem espalhados pelas praias locais.
Versão para impressão
Entre 1 de Julho e 15 de Setembro, a Administração Regional de Saúde (ARS) do Algarve vai colocar à disposição dos turistas 32 postos de enfermagem espalhados pelas praias locais. A iniciativa, resultado de uma parceria com a Cruz Vermelha Portuguesa, pretende responder eficazmente a situações clínicas que possam ser tratadas no momento.
 
Em comunicado, a ARS Algarve explica que o objetivo destes Postos de Praia é “assegurar cuidados de saúde de enfermagem e dar resposta a situações clínicas que possam ser tratadas no local ou, em caso de necessidade, encaminhar o utente para uma unidade de saúde mais adequada”. 
 
A implementação destes postos de enfermagem deve-se ao facto de o Algarve ser um dos principais destinos de Verão a nível nacional, verificando-se, nesta época do ano, “um considerável aumento do número de visitantes, tanto nacionais como estrangeiros” naquela região.
 
De acordo com a ARS Algarve, algumas das principais ocorrências registadas anualmente no Verão e às quais estes postos poderão dar resposta são “pequenos acidentes, nomeadamente traumatismos por quedas, picadas de peixe-aranha, golpes de calor, queimaduras solares e indisposições resultantes de abusos de exposição ao sol”. 


Postos de saúde vão estar espalhados por todo o Algarve (clique AQUI para ver o mapa em detalhe no site da ARS)
 

Os Postos de Praia vão funcionar nove horas por dia (entre as 10.30h e as 19.30h). A maioria dos mesmos vão manter-se em funcionamento entre 1 de Julho e 31 de Agosto, sendo que 11 postos vão continuar a funcionar até 15 de Setembro. Segundo a ARS, “na sequência da implementação do novo regime de taxas moderadoras do Serviço Nacional de Saúde, os atos de enfermagem efetuados serão sujeitos à aplicação da tabela em vigor”.  
 
A escolha das praias que vão receber os postos de enfermagem foi feita considerando critérios como “a acessibilidade, as condições naturais e do meio ambiente e a análise de indicadores de risco (tipo de atendimentos efetuados, número de evacuações para as unidades de saúde, tratamentos e suturas, picadas e mordeduras). 
 
A avaliação destes critérios foi efetuada, explica a ARS Algarve, pelas Autoridades Marítimas, a Administração da Região Hidrográfica do Algarve, a Entidade Regional de Turismo do Algarve e as autarquias.
 
Como é habitual, o Algarve vai, além de disponibilizar estes postos de enfermagem, implementar o Plano de Verão, em articulação com os três Agrupamentos de Centros de Saúde (ACES) regionais, “com vista a reforçar a prestação de cuidados de saúde no Algarve e permitir que a assistência a todos os que visitam a região, caso necessitem, seja célere, eficaz, eficiente e de qualidade”. 

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub