Negócios e Empreendorismo

Aldeias do Xisto cativam cada vez mais estrangeiros

Em Portugal, as conhecidas Aldeias do Xisto têm vindo a cativar cada vez mais estrangeiros, que vão desde turistas a pessoas que ali querem fixar residência.
Versão para impressão
Em Portugal, as conhecidas Aldeias do Xisto têm vindo a cativar cada vez mais estrangeiros, que vão desde turistas a pessoas que ali querem fixar residência. Enquanto que em 2008, as 27 localidades que integram a rede registavam um total de 10.000 dormidas, em 2012 esse número ascendia a 45.000.
 
Os dados dão conta de “um crescimento muito considerável” da procura de turistas, quer do mercado nacional quer internacional, o que demonstra a “capacidade que o projeto da Agência para o Desenvolvimento Turístico das Aldeias do Xisto tem de geral valor económico para o território”. 
 
Num “balanço positivo” e “satisfatório”, Rui Simão, coordenador daquela entidade, adianta ainda que, pela “leitura cruzada dos dados e conhecimento no terreno”, não tem dúvidas de que há também cada vez mais pedidos de estrangeiros que procuram fixar residência no território das Aldeias do Xisto. 
 
“Os dados que temos indicam que, em média, este território acompanha os espaços mais dinâmicos a nível nacional, isto em termos de pedidos de residências de estrangeiros”, refere o responsável.

“Se motorizarmos municípios como Braga, Aveiro e Leiria, que estão entre as cidades mais dinâmicas do Litoral, percebemos que a percentagem dessas zonas é equiparável, por exemplo, à de Arganil e da Lousã”, adianta.
 

Entre os principais mercados turísticos das Aldeias do Xisto encontram-se países como a China, Austrália, EUA, Brasil e França. Entre o capital de atração deste território, Rui Simão aponta a história e o património, a natureza e o ambiente, a cultura, a tradição e a gastronomia. 
 
Destaque também para um aspeto que, muitas vezes, os portugueses não valorizam, como, por exemplo, a possibilidade de viver em áreas mais isoladas, com zonas sombras em termos de redes eletromagnéticas. 
 
A rede das Aldeias do Xisto integra 27 aldeias de 16 concelhos que se situam no centro de Portugal, no território que se situa entre Castelo Branco e Coimbra.

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub