Ambiente

Ação espontânea de limpeza na praia do Baleal

A Praia do Baleal ficou mais limpa depois de uma ação de voluntariado espontânea, que levou pessoas de todas as idades a recolher resíduos do areal. Os voluntários encheram um contentor e meio de lixo, sobretudo plástico.
Versão para impressão
A Praia do Baleal ficou mais limpa depois de uma ação de voluntariado espontânea, que levou pessoas de todas as idades a recolher resíduos do areal. Em duas horas de limpeza, os voluntários encheram um contentor e meio de lixo, sobretudo plástico.

por Márcia Moço

O surfista Nuno Silva foi o principal incentivador desta ação. Ao chegar à Praia do Baleal, na passada quarta-feira, Nuno deparou com um areal cheio de lixo – sobretudo plástico – trazido pela maré. Pegou então em pás e baldes e chamou alguns amigos para o ajudar. Entranto, outras pessoas uniram-se ao movimento de forma voluntária.

A ação do grupo “teve a particularidade de limpar pequenos pedaços de plásticos impossíveis de limpar com meios mecânicos”, explica ao Boas Notícias Daniel Gomes, fundador do movimento Tara Recuperável, que também participou na ação.

A grande variedade de materiais que se misturam na praia com o plástico impediu os voluntários de depositar os resíduos num ecoponto, tendo sido utilizados contentores de lixo comum. “Nesta ação, em que literalmente varremos a praia, é inevitável que os pedaços de plástico apanhados estejam misturados com areia e madeira”, acrescenta Daniel. 

Image and video hosting by TinyPic
© Tara Recuperável – Voluntários de todas as idades ajudaram a limpar a praia de Peniche

Para além de deixar o areal mais limpo, outra preocupação associada a esta ação foi evitar que os “peixes e aves marinhas confundam [o lixo] com comida” e que os oceanos sejam “envenenados”.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub