Emprego e Poupança

ABC da Poupança: Como POUPAR no NATAL!

NULL
Versão para impressão

[Por Ana Bravo, especialista em Economia Doméstica]

Image and video hosting by TinyPic Nesta época do Natal as preocupações maiores costumam ser as compras natalícias e tudo mais que lhe esteja associado! Por isso mesmo, decidimos fazer uma estratégica interrupção na rubrica “Como poupar poupando o planeta” e voltarmo-nos para as preocupações normais desta época! Por isso, vamos lá então saber de que forma podemos poupar e ainda assim passar um Natal lindo e cheio de magia, quem sabe, até mais…
 

• Estabelecer um orçamento, como devem imaginar, é a primeira das sugestões: saiba a quem quer dar presentes e depois estabeleça um 'plafond' máximo para cada um;
• Previligie as utilidades em vez de oferecer coisas que na prática não servirão para nada;
• Venda on-line os brinquedos antigos dos seus filhos que estejam em condições e mesmo coisas suas que já não lhe sejam úteis. Desta forma pode reverter os valores para o seu orçamento de Natal;
• Institua o Pai Natal secreto e divirta-se com pouco investimento dentro da sua família, do seu grupo de trabalho, etc;
• E se em vez de prendas oferecer promessas ou serviços?! Ofereça um WorkShop de dança, maquilhagem, etc… às meninas, uns dias de baby-sitting a casais seus amigos de forma que possam sair e divertir-se, um jantar romântico e uma massagem ao seu companheiro(a), e…tudo o que a sua imaginação lhe deixar;
• Faça os presentes que pretende dar! Todos temos uma arte: fazer compotas, biscoitos, vinhos e aguardentes, velas, bijouterias, etc;
• Use e abuse das decorações naturais: reúna os miúdos e pinte folhas, ramos, bagas de cores natalícias e use-as para enfeitar, use as velas que tem em casa e disponha-as de forma a compor arranjos;
• Use os postais de Natal antigos, recorte as figuras e use por exemplo como marcadores de lugar ou como enfeites da árvore. Os que tiverem em branco coloque um em cada lugar juntamente com uma caneta de forma que cada um possa deixar uma mensagem e depois partilhá-la com todos no fim do jantar;
• Confecione os seus aperitivos assim como qualquer outro alimento, ponha a imaginação a trabalhar e espante toda a gente com coisas verdadeiramente deliciosas e diferentes;
• Proponha a cada pessoa que traga algo para a mesa comum garantindo assim ménus diferentes e facilitando o convívio com todos a quererem experimentar o que os outros fizeram. Sucesso garantido!;
• Para desejar BOAS FESTAS utilize o mais possível a internet, postais de natal antigos ou o telefone fixo;
• Opte por uma árvore Natal artificial e poupe todos os anos dinheiro e natureza;
• Recicle as suas velhas luzes de Natal trocando as lâmpadas antigas por outras de baixo consumo e comece a poupar já para os próximos anos;
• Para embrulhar os presentes SAIA DA CAIXA! Pode usar papel de anos anteriores, papel de jornal, revistas com papel brilhante, papel kraft castanho, desenho das crianças, fazer saquinhos de tecido, reciclar latas e caixas que tenha guardades, forrá-las ou pintá-las.

Agora algumas dicas que pode aproveitar para próximos natais e que vão contribuir para melhor se organizar e poupar:

• Comece um mealheiro de Natal já em Janeiro! Perceba o valor que pretende poupar e divida-o por 11 ou 12 e certifique-se que esse valor vai para o mealheiro todos os meses;
• Aproveite os saldos para comprar antecipadamente os presentes pois é sabido que na é poca natalícia os preços são inflacionados na ordem dos 30%;
• Quando tiver de aquirir um toalha escolha cores facilmente adaptáveis à época (verde seco, vermelho, branca, etc) de forma a que no Natal para a tornar mais natalícia tenha apenas de colocar um caminho de mesa ao centro dourado ou prateado, ou uns marcadores festivos, um centro bontio, umas velas…;
• Há muitos alimentos e bebidas que pode adquirir com antecedência pelo que aconselhamos a que o faça de forma a diminuir o esforço financeiro, de tempo e de paciência quando chegar a altura;
• Se tem mesmo de comprar decorações de Natal, faça-o logo após a quadra e consiga descontos entre os 50% e os 70%.

Estas são apenas algumas ideias para lhe pôr o motor da imaginação a funcionar! A grande magia do NATAL não está nos presentes que trocamos mas na Alegria, na energia, imaginação, coração que pomos em tudo o que fazemos! Seja o seu Natal, ponha essa magia que tem dentro de si a funcionar, convide os amigos e os familiares a partilhar consigo de um Natal diferente e garanto-lhe que será o melhor que lhes pode oferecer!

Já reparou que muitas vezes as coisas simples da vida são aquelas que mais satisfação nos trazem? E já percebeu que andamos de uma forma geral a fazer todos as mesmas coisas? Na realidade o importante é marcar a diferença!

Seja feliz e tenha um BOM NATAL!

[Ana Bravo é consultora de crédito bancário e sócia-gerente da RP Créditos e RP Formação. Para saber mais sobre os serviços, cursos e workshops desta empresa de consultoria e educação financeira clique aqui]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório