Ciência

80 mil documentos de Einstein disponíveis online

O portal "Einstein Archives Online" oferecerá ao público, até ao final de 2012, o acesso a mais de 80 mil documentos relacionados com Albert Einstein.
Versão para impressão
Foi o homem que revolucionou a ciência do século XX e, agora, todos os seus manuscritos – desde obras científicas a cartas e outros documentos pessoais – vão estar à distância de um clique. O portal “Einstein Archives Online”, uma iniciativa desenvolvida pela Universidade Hebraica de Jerusalém, oferecerá ao público, até ao final de 2012, o acesso a mais de 80 mil documentos relacionados com Albert Einstein. 
 
Este arquivo digital “mostra o génio na sua faceta mais humana”, de acordo com o presidente da Universidade Hebraica, com a qual Einstein colaborou de forma profunda e da qual foi um dos fundadores.

Menachem Ben-Sasson explicou que o projeto tem o objetivo de “universalizar o conhecimento” do cientista alemão através de milhares páginas que “expõem o seu trabalho, a sua escrita, as correções que fazia à mão”. No fundo, aquilo que, até ao momento, era desconhecido.

 
Os documentos estão divididos por categorias e, entre eles, está um dos raros manuscritos em que Einstein escreveu a célebre fórmula da teoria da relatividade, E=mc2, bem como uma carta datada de 1930 dirigida ao editor do jornal Falastin a propósito dos conflitos entre árabes e judeus e várias cartas de amor para a sua segunda mulher.
 
A maioria dos manuscritos está na língua materna do cientista, o alemão, mas a Universidade anunciou que pretende publicar também traduções em inglês e notas sobre os documentos.

Hanoch Gutfreund, membro do grupo responsável pelos arquivos, salientou que este novo site “não vai servir só para satisfazer os curiosos”. Além disso, considera Gutfreund, vai ser também “uma ferramenta muito importante de educação e de investigação para os académicos”. 

 
Para já estão apenas publicadas cerca de sete mil páginas com datas anteriores a 1923 mas, quando o projeto estiver concluído, provavelmente no fim deste ano, será possível consultar mais de 40 mil documentos baseados em artigos pessoais de Einstein e mais de 30 mil notas adicionais relacionadas com o físico. 
 
Clique AQUI para aceder ao arquivo digital. 

[Notícia sugerida por Sofia Baptista]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório