Ambiente

75 países põem em prática o Acordo de Copenhaga

Setenta e cinco países, responsáveis por mais de 80 por cento das emissões de gases de efeito de estufa, comprometeram-se a reduzir ou limitar o aumento destas até 2020 no âmbito do acordo de Copenhaga, segundo anunciou a ONU.
Versão para impressão
Setenta e cinco países, responsáveis por mais de 80 por cento das emissões de gases de efeito de estufa, comprometeram-se a reduzir ou limitar o aumento destas até 2020 no âmbito do acordo de Copenhaga, segundo anunciou a ONU.

Um total de 111 países e a União Europeia “indicaram ainda que apoiam o Acordo”, precisa ainda o secretário da Convenção da ONU sobre as mudanças climáticas (UNFCCC) em comunicado.

“Está claro que se os compromissos na mesa representam um importante passo para a frente, mas não serão suficientes para limitar o aquecimento em dois graus”, reconheceu Yvo de Bóer, secretário executivo da UNFCCC, que inclui 194 países.

Para Yvo de Bóer o próximo encontro climático que terá lugar no México no final deste ano permitirá não só dinamizar os esforços para reduzir a emissão de gases, mas também ajudará a delinear um plano de prevenção contra “os impactos inevitáveis” do aquecimento do planeta.

O acordo de Copenhaga prevê uma ajuda para os países mais vulneráveis estimada em mais de 22 mil milhões de euros, entre 2010 e 2012, e um aumento posterior significativo para atingir mais de 74 mil milhões de euros até 2020.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório