Ciência

22 anos do Hubble mostra maternidade de estrelas

O Hubble completou esta terça-feira 22 anos. Para comemorar a data a Nasa divulgou uma fotografia de altíssima definição da zona de formação estelar "30 Doradus", da nebulosa de Tarântula, o maior berço de novas estrelas da Via Láctea, localizada a 1
Versão para impressão

O Hubble completou esta terça-feira 22 anos. Para comemorar a data a Nasa divulgou uma fotografia de altíssima definição da zona de formação estelar “30 Doradus”, da nebulosa de Tarântula, o maior berço de novas estrelas da Via Láctea, localizada a 17 mil anos-luz da Terra.

A imagem, que cobre uma extensão aproximada de 650 anos-luz, reúne um dos maiores mosaicos já montados com fotos do Hubble e foi originada pela combinação das observações feitas pelo telescópio e pelos aparelhos do Observatório Europeu do Sul, localizados no Chile.

“O Hubble é o instrumento científico de topo para observações celestes, que nos permite decifrar os mistérios do universo”, disse John Grunsfelf, administrador do departamento de Missão Científica da Nasa e um dos astronautas que reparou o Hubble nos últimos anos.

A área fotografada é muito instável, uma vez que é local de nascimento de estrelas a um ritmo acelerado – fenómeno que tem despertado muita curiosidade na Nasa.

Recorrendo ao Hubble, os astrónomos têm acompanhado visualmente o ciclo de vida das estrelas, que vai desde o seu nascimento a grandes explosões de supernovas. “30 Doradus é a mais brilhante região de formação estelar na nossa vizinhança galática e é o berço das estrelas mais massivas que já vi”, refere um dos cientistas que trabalha com o instrumento de observação.

Milhares de embriões e estrelas idosas

A imagem mostra milhares de estrelas nas diferentes etapas de crescimento, revelando desde corpos embrionários com poucos milhares de anos a estrelas “idosas” com 25 milhões de anos. As cores refletem os gases quentes da atmosfera: o vermelho representa o hidrogénio e o azul corresponde ao oxigénio.

A montagem foi construída recorrendo a 30 perspetivas diferentes e a partir de duas das câmaras do Hubble, todas recolhidas simultaneamente em Outubro de 2011.

O Telescópio Hubble, nascido em 1990, é um projeto de cooperação internacional entre a Nasa e a Agência Espacial Europeia.

Clique AQUI para ver uma versão panorâmica e de grande formato desta maternidade de estrelas. Para mais imagens e vídeos consulte o site do Hubble AQUI ou a página do Hubble no site oficial da Nasa AQUI.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório