Mundo

10 milhões para mais eletricidade na Guiné Bissau

Na próxima quarta-feira, o governo da Guiné Bissau assina um acordo de financiamento com a Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) e a União Económica Monetária da África Ocidental (UEMOA), para fornecer energia elétrica a Bissa
Versão para impressão
Na próxima quarta-feira, o governo da Guiné Bissau assina um acordo de financiamento com a Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) e a União Económica Monetária da África Ocidental (UEMOA), para fornecer energia elétrica a Bissau.

A informação é adiantada pelo próprio Ministério da Economia da Guiné. O acordo, no valor de 10 milhões de dólares, será assinado pela ministra da Economia, Helena Embalo, pelo presidente da Comissão da CEDEAO, pelo embaixador James Victor Gbeho, e pelo comissário da UEMOA encarregado do Departamento de Desenvolvimento de Empresas, das Telecomunicações e da Energia, Guy-Amédée Ajanohoun.

“O financiamento, no âmbito da assistência pós-conflito, irá permitir às autoridades fazer face às dificuldades de produção, condução e distribuição de eletricidade, insuficiente no país na última década”, refere o documento enviado pelo ministério à agência Lusa.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório